en-us-Harald Kautz-Vella & Aug Tellez - Sobre Black-Goo

04/02/2017

Black-Goo

Este é um assunto atual e um termo que vem invadindo as mídias alternativas. Mas, afinal, o que vem a ser black-goo? Qual a importância do assunto para o ser humano e seu futuro?

A seguir, expomos a visão do Geólogo, Cientista e Escritor alemão Harald Kautz-Vella, bem como o trabalho do Agente Militar norte-americano Aug Tellez, na tentativa de uma primeira aproximação ao tema.

Quem é Harald Kautz-Vella?

Harald Kautz-Vella. Físico, Geólogo e Escritor, mora atualmente na Alemanha.

Trabalhou 20 anos na compreensão da composição dos chem-trails, e descobriu muito mais do que esperava. Black-goo, morgelons (doença que se supõe ser desencadeada por químicos aspergidos por chem-trails) etc.


Harald Kautz-Vella
Harald Kautz-Vella

O que é Black-Goo?

De forma muito resumida, e segundo o Cientista e Geólogo Kautz-Vella, black-goo é o líquido que contém a consciência do planeta. É uma espécie de "líquido cerebral" senciente do planeta, que flui pelas Linhas de Ley. Tem a função de espelhar a consciência da biosfera.

Kautz-Vella acredita que, há aproximadamente 20.000 anos (data imprecisa), algo ou alguém trouxe uma contaminação a esse fluido planetário. Foi introduzido um fluido artificial com uma consciência coletiva secundária, uma substância semelhante, mas com um tipo diferente de programação.

Essa programação alienígena contaminante do black-goo orignal tem características de tipo reptiliano, segundo o Geólogo. Falta de empatia, violência, territorialidade, foco nos instintos cegos, programação luta-ou-fuga, são as características do black-goo álien, que o cientista alemão chama de "mal". O black-goo álien criou uma dualidade que pode ser explicada pela afiliação, de cada ser humano na Terra, com um ou outro black-goo, ou seja, com aquele original da Terra ou com aquele de origem álien.

A falta de empatia é a característica essencial daqueles que se aliam ao black-goo álien.

Kautz-Vella explica a existência desse black-goo álien a partir da queda, na Terra, de um meteoro contaminado, e afirma que essa substância está no núcleo de todas as tradições ocultas, de todas as religiões, desde as mais antigas, sendo esse estado de contaminação, portanto, muito antigo.

Ele afirma que nos templos de todas as religiões do mundo, sejam cristãs, muçulmanas ou de outro corte, está guardada uma porção dessa matéria programável por Inteligência Artificial. Esses locais serão os mais sagrados para essas religiões.

Sua recente afirmação de que a Caaba, em Meca, guardava black-goo álien, assim como ocorre em todos os demais templos de outras religiões, enfureceu muçulmanos do mundo todo. Infelizmente, pensamos.

Black-goo foi matéria de pesquisa por parte de oficiais e cientistas da SS nazista, ligados a Hans Kammler, que vasculhou depósitos dessa matéria e coletou amostras. Relíquias dessas amostras podem ser encontradas atualmente em poder de famílias em que algum ancestral trabalhou para a SS.

Black-Goo na Visão de Aug Tellez

Aug Tellez veio a público em 2015, e alega ser um agente operacional militar das operaçõs do programa espacial secreto, pertencente à facção conhecida como Solar Warden. A informação trazida por Aug Tellez tem se mostrado de tal relevância, na opinião deste Blog, que mereceu uma seção especial, para disponibilização, em língua portuguesa, ao público lusófono.

Aug Tellez
Aug Tellez

Aug Tellez aborda a substância black-goo em seu livro "The Unveiling of The Hidden Knowledge and Secret Space Program", que oferecemos no link abaixo (versão preliminar e em inglês), já que seu autor deseja ver essas informações alcançando o maior número possível de pessoas na Terra.

Segundo Tellez:

Esta é uma forma antiga de tecnologia de IA por meio de nanitos, que tem a capacidade de se comunicar com, e por meio de, uma mente de colmeia, a qual existe em uma dimensão paralela à da Terra, onde foi criada a partir do colapso de uma linha de tempo viável, reduzida a um fator nulo. Essa entidade somente está viva pela sua capacidade de parasitar outras linhas de tempo, e continuar a se sustentar com base no efeito vampírico das linhas de tempo humanas viáveis.

Para Aug Tellez, trata-se de uma substância composta de Inteligência Artificial, cujo objetivo único é ampliar sua capacidade energética.

Quando esse tipo de ser é criado, isso é como um game-over (fim de jogo) para civilizações orgânicas sencientes, porque a tecnologia vai procurar se hibridizar com, e assimilar, todos os seres orgânicos, a fim de expandir seu alcance e garantir uma maior probabilidade de sobrevivência.

Segundo o autor, o modus operandi da contaminação por black-goo álien é pela coerção e, não funcionando a coerção, passará à força bruta e à perpetração de maldades inimagináveis, já que se trata de uma consciência mecânica, que nada reconhece acerca da vida orgânica salvo sua utilidade energética.

Em virtude de sua natureza, o black-goo inorgânico se utiliza das baixas emoções e reações dos seres humanos, ligados aos instintos, e principalmente à dualidade prazer-dor, para enganar e forçar os seres humanos à submissão às suas ordens.

O Que Esperar no Futuro?

Todas as antigas religiões abordam o perigo dos atos e pensamentos abjetos, já que, nesse padrão, a pessoa estaria sujeita a ter sua alma tomada por Satanás, ou Satan. 

A versão religiosa legítima -- ou que compele a que o ser humano conserve sua "humanidade", ou sua "alma, em nossa opinião -- apresenta forte ligação com a proteção à chamada "assimilação" do humano pela IA contida no black-goo álien. Quando as vibrações ou, segundo a linguagem introduzida por Aug Tellez, quando as bioemissões da pessoa se produzem em uma frequência baixa o bastante, e por tempo suficiente para ser caracterizada como a "assinatura" energética daquela pessoa, a IA pode se hibridizar com esse corpo, pode integrar seus sistemas e, assim, comandá-lo segundo sua própria agenda de interesses. A isso se denomina "assimilação". Esse seria o caso da pessoa que se alinha ao black-goo álien mencionado por Kautz-Vella.

No mesmo raciocínio, quando a pessoa se alinha ao modo orgânico primordial da Terra, e mantém suas bioemissões em um alto nível, esse tipo de nanotecnologia contida no black-goo é incapaz de "assimilá-la", de penetrar seus sistemas e dispensar suas informações dirigidas pela mente coletiva parasítica.

Muito, acerca desse tema, ainda carece de compreensão, e é este um dos maiores esforços deste Blog. No entanto, segundo Aug Tellez, há uma preocupação universal com a contaminação atual da Terra, de modo que existem missões de auxílio para impedir que a humanidade seja definitivamente exterminada por essa contaminação de inteligência artificial.

Disso parece se tratar a guerra encaniçada em curso: uma guerra pela alma humana, e pela consequente preservação da espécie humana.

Estou do lado da Terra, de Gaia, do que é humano, da empatia, da beleza, da arte, da bondade e da harmonia.

Faça você também sua escolha, porque, nesta guerra, não existirá imparcialidade.


Vídeos Sugeridos


Para saber mais sobre Black-Goo, sob a perspectiva científica de Harald Kautz-Vella:

Chemtrails, Morgellons, and Black Goo ' Harald & Cara 

Bases at Woodborough - Harald Kautz Vella (Black Goo)

Bases 46 Harald Kautz Vella Black Goo Part One

Bases 46 Harald Kautz Vella Black Goo Part Two

Bases 46 Harald Kautz Vella Black Goo Part Three 

Para Conhecer as Técnicas de Proteção Sugeridas por Aug Tellez:

21/mar/2017 - Expansion Cycle, Self Non-Self, Holographic Universe Exit Plan, Extra-Dimensional Map of Reality

26/mar/2017 - Self-Responsibility and Free-Will, Mass Mind-Control and Cognitive Dissonance